Abrigos de ônibus em Boa Vista são alvos de vandalismo e Prefeitura alerta sobre penalidades

A pena para quem cometer o crime varia de um a seis meses, além do pagamento de multa que pode chegar a seis salários mínimos

Por: PMBV | Foto: Jonathas Oliveira


Esta semana começou com uma equipe da Prefeitura de Boa Vista recolhendo estilhaços de vidro do abrigo atingido por um carro durante o final de semana na avenida Ville Roy, Caçari. Atos de vandalismo e imprudência como esse são frequentes nos espaços públicos e os pontos de ônibus da cidade são alvos fáceis deste tipo de prática criminosa.

Situações semelhantes acontecem em vários bairros da cidade. Os locais que deveriam garantir mais conforto à população, protegendo do sol e da chuva e amenizando o calor são constantemente depredados por vândalos que quebram vidros, furtam centrais de ar, lâmpadas, fios elétricos e picham as paredes.

Boa vista possui 75 abrigos de ônibus climatizados e 600 simples. Segundo o secretário adjunto da Serviços Públicos, Vandson Taveira, em 2022, pelo menos metade precisou passar por reparos por estar com a estrutura depredada, gerando gastos extras com manutenções.

“Nosso intuito é garantir mais comodidade para as pessoas que utilizam o esse serviço, por isso realizamos a limpeza todos os dias, fazemos manutenção das centrais, trocamos as lâmpadas sempre que necessário, mas quando quebra um vidro demora para recolocar, pois precisamos mandar fazer” destacou.

Prejuízo para o orçamento municipal e, principalmente, desconforto para os mais de 25 mil usuários do transporte público, que diariamente utilizam os abrigos enquanto aguardam a chegada dos ônibus, como relata a atendente Michele Martins.

“Quem faz isso não deve andar de ônibus porque tem dias que o calor tá insuportável e as vezes a gente chega num abrigo que tá sem central porque furtaram ou sem vidro porque alguém quebrou só de maldade. É muita falta de respeito com quem utiliza esse serviço” disse.

Vistorias são realizadas por uma equipe da Secretária de Serviços Públicos, responsável por manter os abrigos em boas condições, mas a população também pode ajudar na conservação do bem público, informando a central 156 ao ver estragos provocados por vândalos nos pontos de ônibus da capital.

PENALIDADES

Quem for flagrado causando algum dano ao patrimônio municipal pode responder por vandalismo e ser penalizado em caso de condenação simples com detenção de um a seis meses ou multa de até seis salários mínimos. Em casos mais graves a pena aumenta, variando de seis meses a três anos e multa.

Comente

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios *.

Isso vai fechar em 20 segundos