Comitiva do Ministério da Cidadania visita rede de atendimentos voltados à 1ª infância em Boa Vista

A ideia é atualizar o programa Criança Feliz em todo o país, tendo como base as iniciativas do Família que Acolhe

Com informações de Ceiça Chaves | Foto: Wélika Matos

Quando o assunto é primeira infância, Boa Vista é referência para o Brasil. Por este motivo, nessa segunda-feira, 16, uma comitiva do Ministério da Cidadania esteve na cidade conhecendo de perto os serviços ofertados para o desenvolvimento da criança. O Programa Família que Acolhe (FQA) foi a base para a criação do Criança Feliz em 2016, do Governo Federal e esta visita é para uma possível atualização do programa nacional.

Na Secretaria Municipal de Gestão Social, a comitiva composta por oito pessoas assistiu a uma apresentação sobre o FQA. Em seguida, conheceram as instalações e os serviços ofertados na sede do programa, no Pintolândia. Também visitaram a Escola Municipal Cunhatã Curumim. No CRAS Nova Cidade, a equipe do Ministério conferiu as estratégias do FQA descentralizado e das visitações domiciliares.

De acordo com o subsecretário de Planejamento, Orçamento e Governança (SPOG), Marcos Sousa, a ideia é desenhar um programa a nível nacional nos moldes do Família que Acolhe. “Nossa equipe veio conhecer e utilizar esse conhecimento no nosso desenho no Governo Federal. É o Criança Feliz com uma cara nova, já englobando mais serviços de uma forma mais ampliada. Vamos aprender com o que estão fazendo aqui e melhorar a oferta de serviços. Muito surpreendente ver a capacidade de transformação que o FQA tem no município”, disse.

O diretor de programas da Secretaria de Desenvolvimento Social (SEDS), Saulo Ribeiro, ficou encantado com o que presenciou em Boa Vista. “A nossa ideia é pegar um pouco do que tem sido feito aqui e avaliar de que forma isso pode ser aproveitado num âmbito mais amplo. Ficamos surpresos com a dedicação de todos aqui, é um trabalho excelente”, disse.

Integrantes da comitiva: Marcos Sousa, subsecretário de planejamento da Secretaria de Planejamento, Orçamento e Governança (SPOG); Cícera Pinheiro, assessora da Secretaria Nacional de Atenção à Primeira Infância (SNAPI); Saulo Ribeiro, diretor de programas da Secretaria de Desenvolvimento Social (SEDS); Cássia Fernandes, diretora da Proteção social da Secretaria Nacional de Assistência Social (SNAS); Juliane Santos, assessora da SNAS; Kátia Sousa, coordenadora Geral da SPOG; Karen Saliba, secretária executiva do Ministério da Cidadania e Cleidionice Gonçalves – Colaboradora da SNAPI.

Criança Feliz: Criado em 2016, o programa é uma política pública do governo federal que atua em mais de 3 mil municípios brasileiros. Em Boa Vista, é integrado ao Família que Acolhe. As beneficiárias são atendidas a cada 15 dias por meio de visitações domiciliares, desfrutando de todos os serviços e benefícios ofertados pelo FQA, como o enxoval, leite, vaga na creche, entre outros.

Comente

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios *.

Isso vai fechar em 20 segundos