Governanças ambiental, social, diversidade e inclusão serão tendências nas empresas para 2023, aponta especialista

Especialista em Recursos Humanos diz que é prioritária a preocupação com a saúde mental dos trabalhadores e seus dependentes

Por: Ascom Estácio | Foto: divulgação


O ano de 2023 vem sendo considerado pelas organizações como o ano pós-pandêmico, onde empresas e trabalhadores caminharão para um processo de adaptação às novas tendências do mercado de trabalho. Segundo o administrador e mestre em Gestão e Desenvolvimento, Jorge Pires, além do trabalho híbrido, formato estimulado pelo home office durante a pandemia, o conjunto de práticas que tem como objetivo definir uma empresa como consciente socialmente, sustentável e bem gerida (ESG) é a tendência para o meio corporativo a partir deste ano.

“Os acontecimentos dos últimos anos foram turbulentos e, após o cenário gerado pela pandemia da Covid-19, as áreas de gestão estratégica e de Recursos Humanos das empresas vêm trabalhando fortemente para encontrar novas práticas e formatos de trabalho que se adequem a novas realidades. Diante desse futuro do mercado de trabalho, as maiores preocupações das organizações devem estar prioritariamente ligadas à saúde mental e ao equilíbrio emocional dos trabalhadores e dos dependentes destes funcionários”, destaca o professor dos cursos de Gestão da Estácio.

As governanças com preocupações e iniciativas voltadas à preservação do meio ambiente, a questões sociais e à diversidade e à inclusão, temas que vêm sendo muito debatidos este ano nas corporações, devem se tornar tendência também para os próximos, segundo Jorge Pires.

“Entre exemplos de iniciativas que se tornarão tendência temos a busca por produção com menos recursos, a contribuição direta do funcionário em tudo o que envolve a cultura da organização, a gestão humanizada, o uso da transformação digital e questões de proteção à saúde ocupacional dos trabalhadores”, enumera o especialista.

Ele destaca que as empresas devem atuar fortemente na preparação de equipes de liderança e de todos os funcionários para o fortalecimento dos processos de diversidade e inclusão, especialmente sobre a presença feminina dentro das empresas.

“As empresas estão buscando ainda alcançar uma estrutura cada vez mais enxuta e responsabilizante, onde cada um tem seu peso de responsabilidade, porém podendo realmente fazer sua atividade com uma visão empreendedora. Além disso, a visão minimalista, que defende que é preciso muito pouco para ser feliz, a visão do ser e não do ter, tem mudado bastante o conceito no mercado de trabalho, fazendo com que as empresas sejam uma marca empreendedora que cresce de maneira sustentável e que apoia todos os movimentos que hoje fazem com que as pessoas se tornem integradas ao todo, onde ela entenda sua responsabilidade individualizada, mas ao mesmo tempo fazendo com que o ambiente cresça, o que automaticamente fará com que ela cresça também, respeitando suas limitações e valorizando suas virtudes”, diz o professor da Estácio, que atua também como gerente de RH de uma multinacional.

Acompanhando o ritmo das mudanças

Para acompanhar o ritmo acelerado das mudanças no mercado de trabalho, a importância de uma formação qualificada para os novos profissionais de Recursos Humanos e gestores estratégicos do futuro tem cada vez mais peso. A Estácio é uma das maiores marcas do ensino superior brasileiro e, há mais de 50 anos, enriquece a sua história ao possibilitar o acesso democratizado ao ensino de qualidade e ao promover a transformação individual e social de seus alunos. Pioneira e um dos maiores players no digital, a instituição desenvolveu um modelo moderno que promove um melhor aproveitamento para os estudantes em aulas dinâmicas em uma plataforma de ensino 100% Digital, com conteúdos que podem ser acessados de qualquer dispositivo, on e offline, garantindo maior mobilidade, com acesso ilimitado.

Ainda dá tempo para ingressar na Estácio neste início de semestre letivo. A instituição está com condições especiais para ingresso em diversos cursos de graduação disponíveis nas metodologias de ensino: Presencial; Ao Vivo; Semipresencial; Flex; e no Ensino Digital.

Para participar basta ingressar com a nota do ENEM ou realizar o Vestibular Estácio nos dias 10 e 11 de março. Na campanha é possível encontrar cursos com mensalidades a partir de R$149,00 durante toda a graduação. Confira as condições e os cursos participantes na ação no regulamento pelo site estacio.br/regulamentos, pelos telefones 40 03-6767 (Regiões Metropolitanas) e 0800 880 6767 (Demais regiões), ou diretamente em um dos campi ou Polos de Ensino Digital.

Presente em Roraima, e em 24 estados e no Distrito Federal, por meio do ensino presencial, e em todo o Brasil com o ensino digital, a Estácio oferece cursos de graduação em diferentes formatos de ensino, pós-graduação e cursos de extensão. A instituição aposta na tecnologia e na inovação como diferenciais para aprimorar o aprendizado, e seus currículos são alinhados às necessidades do mercado de trabalho.

No estado, o Centro Universitário Estácio da Amazônia possui um portfólio de cursos amplo e com diferentes formatos de ensino, e oferece em Boa Vista as graduações em Medicina Veterinária, Enfermagem, Direito, Biomedicina, Farmácia, Fisioterapia, Nutrição, Ciências Contábeis e Engenharia Civil, além dos cursos de Psicologia, Arquitetura e Urbanismo, e os cursos da área de Gestão.

Informações sobre os cursos e o ingresso na Estácio podem ser adquiridas pelo telefone (95) 98803-6243 ou também pelo site: https://estacio.br/.

Comente

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios *.

Isso vai fechar em 20 segundos