MTur mapeia destinos turísticos voltados aos turistas com deficiência ou mobilidade reduzida

O Ministério do Turismo também atua em outras ações para fomento da acessibilidade no setor

Por: MTur | Foto: Freepik


Viajar é para todos e viver as experiências transformadoras que só o turismo pode oferecer também. O Ministério do Turismo (MTur) tem realizado uma série de ações voltadas às práticas inclusivas no setor e uma delas é o Mapeamento de Atrativos, Empreendimentos, Produtos e Serviços turísticos acessíveis. O material consiste em um documento técnico que tem como objetivo apresentar um rol de informações sobre produtos e serviços turísticos disponíveis no mercado turístico brasileiro.

O Mapeamento é um trabalho realizado em parceria com a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco). O material também traz conceitos sobre acessibilidade e mobilidade reduzida, abordando o que é turismo acessível, suas barreiras, critérios de caracterização de acessibilidade, orientações gerais e específicas, entre outros temas.

“A acessibilidade no turismo é uma prioridade e o mapeamento joga luz sobre o tema. O objetivo é incentivar ações no mercado interno para adaptar os destinos e atrativos e também estimular o consumo de produtos turísticos acessíveis, contribuindo para inclusão e desenvolvimento humano, econômico e social”, afirma a ministra do Turismo, Daniela Carneiro.

Ficou interessado(a) em conhecer locais acessíveis no Brasil? A Agência de Notícias vai te mostrar alguns deles, mas você pode conferir a lista completa (com nomes, descrição e contato dos locais) na parte de Programa Turismo Acessível. CLIQUE AQUI e acesse. 

Norte

Muita natureza e acessibilidade estão disponíveis para os visitantes que vão ao Parque Ambiental Chico Mendes, localizado em Rio Branco, no Acre. O local conta com trilha adaptada com cordas para guiar pessoas com deficiência visual, fazendo com que o turista vivencie cada momento dessa experiência.

Já para os amantes de sol e mar, Tocantins é o local ideal para conhecer uma praia acessível, onde são disponibilizadas cadeiras anfíbias (uma cadeira adaptada para a ocasião) que permitem que pessoas com deficiência possam entrar na água em praias como a do Prata, no sul da capital Palmas.

Centro-Oeste

Quem gosta de ciência já pode programar a próxima viagem para Brasília (DF). No Planetário da cidade, além de muitas descobertas astronômicas, o turista vai encontrar um acesso facilitado por piso tátil, banheiro adaptado e elevador, além de braile e áudiodescrição. O local também possui vaga para pessoa com deficiência no estacionamento e acesso sem degraus e poltronas para pessoas obesas.

Está buscando aventura? Então o destino é o Abismo Anhumas, em Bonito (MS). O lugar vai proporcionar descobertas, só que dessa vez olhado para as belezas da parte debaixo do nosso planeta, em uma caverna. O sistema de elevação elétrico é utilizado para chegar à plataforma flutuante no fundo da caverna, com o visitante se posicionando em uma cadeira adaptada,

Nordeste

Cultura, tecnologia e história proporcionadas de forma acessível serão encontradas na região Nordeste. Em Fortaleza (CE), o Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura traz ao visitante um passeio a um complexo cultural com exposições, espetáculos cênicos, shows e muito mais, tudo isso com o apoio de rampas, elevador e piso tátil, banheiro adaptado, áudiodescrição, libras e braile.

As igrejas de Olinda (PE) além de serem um marco da história brasileira, também são um marco que vão “além do olhar” e receberam aplicação de painéis táteis com informações em braile, caracteres ampliados e pictolibras. Igrejas como a São Bento, do Carmo, da Misericórdia, do Amparo, de São Francisco e a igreja catedral do Alto da Sé contam, ainda, com audiodescrição através de QR Code.

Sul

No Sul, visitar a Itaipu Binacional, que fica em Foz do Iguaçu (PR), é imergir em uma indústria gigante e multinacional, conhecendo o funcionamento de uma hidrelétrica por meio da visita ao Complexo Turístico Itaipu no Brasil. O local conta com acesso facilitado por rampas, piso tátil, possui informações em braile e banheiro adaptado. Oferece também política de gratuidade para PCD e acompanhantes.

Para quem busca uma mistura de adrenalina e magia o lugar é um parque temático, como o Beto Carrero World, o maior parque de diversões da América Latina, localizado em Penha (SC). Por lá, além da diversão garantida, o acesso é facilitado por rampas e os turistas vão encontrar cadeira de rodas para uso interno.

Sudeste

No Sudeste, o turista apaixonado por natureza vai conhecer de pertinho as belezas do Parque Nacional Serra do Cipó, uma Unidade de Conservação brasileira localizada na Serra do Espinhaço, Minas Gerais. No parque, é possível desbravar trilhas e regiões montanhosas por meio de cadeira de rodas adaptada (conhecidas como Julietti).

Também dá para conhecer um dos principais atrativos turísticos do Brasil e do mundo, o Cristo Redentor, no Rio de Janeiro (RJ), que conta com acesso facilitado por rampas e elevadores, além de banheiro adaptado.

Quem gosta de esporte pode aproveitar um passeio turístico para conhecer um pouco mais sobre o futebol no Museu do Futebol, em São Paulo (SP). Exposições, acervo, história do futebol e uma programação recheada com tudo que envolve o tema espera o visitante, que vai contar com acesso facilitado por rampas, piso tátil e elevadores, possui banheiro adaptado, acervo adaptado em libras, áudiodescrição e braile.

MAIS ACESSIBILIDADE – Além do Mapeamento, o Ministério do Turismo trabalha com uma série de ações para incentivar a acessibilidade e as viagens para pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida. Alguns exemplos são a qualificação dos profissionais do setor por meio de capacitações gratuitas; o estudo do perfil dos turistas com deficiência para que sejam entendidas suas necessidades com o intuito de ampliar políticas públicas (CLIQUE AQUI e veja); e a difusão de informações para o setor por meio da cartilha com Dicas para Atender Bem os Turistas com Deficiência (CLIQUE AQUI e veja).

Comente

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios *.

Isso vai fechar em 20 segundos