Artesãos de Roraima participam da 33ª Feira Nacional de Artesanato em Belo Horizonte

Evento ocorre de 06 a 11 de dezembro e contará com a presença de cinco empresários do setor

Por: Sebrae/RR | Foto: Ascom

O estado de Roraima será representado na 33ª Feira Nacional de Artesanato que ocorre em Belo Horizonte de 06 a 11 de dezembro.

Com o apoio do Sebrae/RR, as empresas Jaty Galeria, Rota Norte e os artistas Isaías Miliano, Edinel Pereira e André da Silva terão a oportunidade de expor seus produtos durante a programação, dando maior visibilidade à cultura do estado, tanto em âmbito nacional como em internacional.

O estande estará identificado pelo estado a que os artesãos pertencem, e não por empreendedor participante, sendo um ambiente dinâmico e colaborativo, em que as peças estarão distribuídas e apresentadas como representatividade de Roraima.

O analista técnico do Sebrae/RR, Willian Tihago Quirino, pontuou que a Feira Nacional de Artesanato é uma oportunidade excelente para todos os artesãos.

“Devido ao seu porte, inúmeras possibilidades serão geradas aos participantes, principalmente para geração de negócios, fortalecimento de rede de contatos, além de apresentar e evidenciar a beleza e riqueza da cultura e das tradições roraimense”, disse.

Ele acrescentou que a participação do Sebrae no evento, em conjunto com os empreendedores artesãos de Roraima, reforça o objetivo e a atuação do Sebrae junto aos empreendedores.

“Buscando apoiar, preparar, fortalecer e viabilizar o seu crescimento, desenvolvimento e competitividade, para atuarem de forma eficiente no mercado os quais estão inseridos”, complementou.

FEIRA NACIONAL DE ARTESANATO

A feira, promovida pelo Instituto Centro Cape, vai ocorrer no Expominas onde terá uma área de 2.400 metros quadrados, com 900 estandes e a participação de 3.500 artesãos.

O espaço estará organizado em uma linha histórica que contará a história do homem por meio de suas ferramentas, começando com a pedra lascada (6.000 a.C.) e terminando em 2022.

A ideia é apresentar como o artesanato ainda é importante para preparação dos protótipos de carros, motores, móveis, até foguetes.

Além disso, a programação contará com 16 shows musicais, além de apresentações em forma de cortejo.

EDIÇÃO 2022

Neste ano, o evento traz o tema 200 anos da revolução industrial. “Além do artesanato brasileiro de todos os estados, teremos uma grande exposição sobre a Arte do Ofício e demonstrações do tempo do machado, marcenaria, mecânica, cutelaria, ferraria artística, entre outros”, informou a organização do evento.

Comente

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios *.

Isso vai fechar em 20 segundos