Dia Mundial do Rock – Veja cinco documentários sobre o gênero 

O Dia Mundial do Rock foi criado no Brasil

Por: Folhapress | Foto: Divulgação


Embora seja conhecido como o Dia Mundial do Rock, a data celebrada nesta quinta-feira (13) foi criada por aqui mesmo, no Brasil -mas a falta da comemoração no resto do mundo não é razão para que o gênero não seja celebrado no país.

No interior de São Paulo, por exemplo, foi criado o Festival de Águas Claras, conhecido como o Woodstock brasileiro, que levou milhares de hippies a uma fazenda para ver shows de nomes como Raul Seixas, Hermeto Pascoal e João Gilberto entre as décadas de 1970 e 1980.

No mesmo período, também relacionado ao histórico festival de rock -mas longe do Brasil, em Nova Iorque- também aconteceu o Harlem Cultural Festival, que celebrou a música afro-americana no verão de 1969 em que o Woodstock aconteceu com nomes como Nina Simone e Stevie Wonder.

Ambos os eventos ganharam documentários que dividem espaço no streaming com várias outras produções dedicadas ao gênero musical. Veja, abaixo, cinco produções que contam histórias de estrelas e momentos marcantes do rock.

O Barato de Iacanga

O filme leva às telas o lendário Festival de Águas Claras, conhecido como o Woodstock brasileiro. O evento reuniu, em quatro edições entre as décadas de 1970 e 1980, milhares de hippies e artistas como Gilberto Gil, Hermeto Pascoal, João Gilberto, Raul Seixas e Jorge Mautner em uma pequena cidade paulista.

Brasil, 2019. Direção: Thiago Mattar. 16 anos. Na Netflix

The Beatles: Get Back

O diretor de “Senhor dos Anéis” mergulha em mais de 150 horas de áudio e 50 horas de vídeo registradas por Michael Lindsay-Hogg em 1969 para mostrar, nesta série documental, os bastidores dos ensaios que culminaram no show de despedida dos Beatles no topo de um prédio em Londres –mas não só. Também aparecem na produção a saída e o retorno de George Harrison ao grupo, o relacionamento de John Lennon com Yoko Ono e a dinâmica privada do quarteto, incluindo sessões de composição.

Reino Unido, Nova Zelândia, EUA, 2021. Direção: Peter Jackson. 14 anos. No Disney+

Cobain: Montage of Heck

Neste documentário, o cineasta indicado ao Oscar Brett Morgen usa arquivos inéditos de arte, música e vídeos da vida de Kurt Cobain, além de entrevistas com amigos próximos e família, para traçar um perfil da vida do músico que vai de sua infância até o sucesso e a queda do Nirvana .

EUA, 2015. Direção: Brett Morgen. 14 anos. Para aluguel e compra no Google Play e Apple TV+

The Punk Singer

Sini Anderson traduz a vida e a obra da cantora Kathleen Hann, pioneira do movimento musical Riot Grrrl e criadora e vocalista do grupo Bikini Kill, que estourou na década de 1990 ao incluir os debates feministas na cena do punk. O filme tem depoimentos de Joan Jett e Kim Gordon e mostra o impacto na cena e também a vida pessoal da artista, que recebeu um diagnóstico da doença de Lyme.

EUA, 2013. Direção: Sini Anderson. 16 anos. No Libreflix

Summer of Soul (…Ou, Quando a Revolução Não Pôde ser Televisionada)

O documentário mergulha na história do Harlem Cultural Festival, que celebrou a música afro-americana em Nova Iorque no mesmo verão de 1969 em que o Woodstock acontecia. Regado a rock, soul, jazz e outras vertentes musicais, o evento que escalou nomes como Stevie Wonder e Nina Simone se tornou marcante na história da música e da cultura negras e só teve suas imagens acessadas cinco décadas depois.

Comente

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios *.

Isso vai fechar em 20 segundos