Em Brasília, Jucá pede ao Ministério dos Transportes conclusão da pavimentação de estrada na Guiana

O ex-senador destacou que é preciso pensar no futuro e nas oportunidades de desenvolvimento que a ligação com a Guiana representa para Roraima


Roraima foi destaque na pauta do Ministério dos Transportes, nesta terça-feira (16). O órgão assinou a ordem de serviço para recuperar três trechos da BR 174 no Estado. Mas, além de tratar sobre as condições da via, o presidente do MDB RR, Romero Jucá, pediu atenção do Ministério para concluir a ligação com a Guiana.

Conforme Romero Jucá, é preciso pensar no futuro e nas oportunidades de desenvolvimento que a ligação com a Guiana representa para o Estado de Roraima e para toda a Amazônia.

“A ligação com a Guiana é fundamental para Roraima. Porque ela muda a nossa logística de comercialização e de produção. Então, é muito importante que a gente possa resgatar essa situação”.

Segundo o presidente do MDB RR, havia uma colaboração entre os dois países. Desta forma, o trecho no Brasil ficou pronto com a construção da BR 401, bem como, a entrega da ponte que liga os dois países.

Da mesma forma, o Dnit deu suporte técnico até 2018, para a construção dos 380 km que faltam dentro do país vizinho. E para Romero Jucá, o Governo Federal tem que retomar essa relação.

“A estrada da Guiana vai aproximar o Estado de Roraima e a Amazônia Ocidental de novos mercados consumidores. Para se ter uma ideia, isso faz com que de Boa Vista ao Porto do Caribe, fique mais perto que ir até Manaus. E o Governo brasileiro pode dar suporte nisso”.

Ministro anuncia atenção às rotas portuárias

Ao responder a fala de Romero Jucá, o ministro dos Transportes, Renan Filho anunciou que o Brasil será signatário do maior fórum de transportes do mundo.

Desta forma, o Brasil deve apoiar os demais países da América do Sul com a elaboração de um plano de logística para as rotas portuárias e assim, favorecer o desenvolvimento econômico da região. “O Brasil já tem o seu plano, mas vamos ajudar os outros países com isso”.

O Ministro também anunciou que fará visitas aos Estados do Norte, incluindo Roraima para avaliar as demandas de cada local. “Essas rodovias de integração com o Atlântico são importantes para aproximar dos portos. Porque elas mudam a lógica econômica. Logo, é um investimento importante e vamos investigar a posição da Guiana em relação à estrada”.

Recuperação da BR 174

No evento desta terça-feira (16), o Ministérios dos Transportes autorizou o início da obra de recuperação de três trechos da BR 174 em Roraima. Desta forma, o Governo Federal vai atender a mais de 251 km da via.

Assim, as obras vão atender trechos nos municípios de Rorainópolis, de Caracaraí e ainda no município de Pacaraima. Este, por sua vez, é o trecho mais precário.

A BR 174 é a única via de ligação de Roraima com o restante do país. E, da mesma forma, com a Venezuela. O país vizinho, por sua vez, é o principal destino dos produtos importados pelo Estado.

Comente

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios *.

Isso vai fechar em 20 segundos