Faculdade de Boa Vista disponibiliza acadêmicos para auxiliar contribuinte na declaração do Imposto de Renda

Os atendimentos serão no Pátio Roraima Shopping, nesta terça-feira, 23, das 15h às 20h

Por: Ascom Estácio | Foto: divulgação


Acadêmicos do Centro Universitário Estácio da Amazônia vão tirar dúvidas e ajudar a preencher a declaração de imposto de renda de usuários do Pátio Roraima Shopping,  nesta terça-feira, dia 23 das 15h às 20h. de maio. O atendimento é gratuito e restam menos de 15 dias de prazo para o envio.

O coordenador do Núcleo de Apoio Contábil e Fiscal (NAF), professor Eduardo Merlim, explicou que nessa reta final, o Pátio Roraima cedeu um espaço para que a instituição pudesse oferecer à comunidade mais uma oportunidade para tirar as últimas dúvidas e até mesmo preencher o imposto, caso o contribuinte esteja com toda a documentação necessária. “Lembrando que o prazo final para envio da declaração é o dia 31 de maio. As dúvidas sobre a documentação também podem ser enviadas ao telefone do NAF: (95) 98127-1201”, disse. Neste mesmo contato, a comunidade também pode agendar um horário de atendimento no campus da Estácio, que fica no bairro União.

A equipe do NAF este ano chegou a 15 pessoas, entre alunos e professores da Estácio. Além dos acadêmicos de Ciências Contábeis, alunos de Administração e Direito também estão atuando no Núcleo com orientações sobre imposto de renda. O atendimento gratuito é direcionado às pessoas de baixa renda que tiveram rendimento anual de até R$40 mil.

IRPF

Em Roraima, pouco mais de 60 mil pessoas já entregaram a declaração de imposto de renda de 2023. A estimativa da Receita Federal é receber em torno de 86 mil declarações de roraimenses este ano. Portanto, cerca de 30% dos contribuintes ainda precisam entregar até o dia 31 de maio.

Eduardo Merlim lembra que são obrigados a entregar a declaração pessoas que tiveram rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2022, ou cerca de R$ 2.380 por mês; rendimentos isentos acima de R$ 40 mil; receita bruta da atividade rural acima de R$ 142.798,50; bens e direito acima de R$ 300 mil, que fizeram operação na bolsa com valores acima de R$ 40 mil ou para quem passou à condição de residente no Brasil.

Comente

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios *.

Isso vai fechar em 20 segundos