Mães de crianças autistas cobram da Unimed continuidade das terapias em Boa Vista

Elas farão um ato pacífico em frente à Unidade no dia 20 de junho, a partir das 9h

Por: Assessoria | Foto: Google Maps/reprodução

Mães de crianças autistas vão se reunir em frente à sede administrativa da Unimed Fama, nesta segunda-feira, 20, a partir das 9h, para cobrar a continuidade das terapias dos seus filhos, que estão suspensas em razão da inadimplência da operadora de plano de saúde com as clínicas credenciadas.

De acordo com a advogada Yonara Varela, uma das organizadoras do movimento, a Unimed vem negligenciando o pagamento das clínicas especializadas em intervenção precoce desde o início do ano, o que levou as empresas à suspensão do atendimento, inclusive dos pacientes com decisão judicial determinando que a Unimed disponibilize o tratamento conforme prescrito no laudo médico.

“Essa suspensão vem ocorrendo desde o início do ano de forma parcial ou total para alguns pacientes. Em outros, as famílias já receberam aviso de provável suspensão de outros atendimentos por conta da falta de pagamento das clínicas. Nós continuamos pagando as mensalidades do plano de saúde normalmente, mas a Unimed Fama não tem honrado o contrato com as empresas credenciadas”, explicou.

Conforme a advogada, que tem um filho autista, o ato será pacífico, com o objetivo de cobrar o pagamento dos débitos em atraso e retorno das terapias das crianças, que são indispensáveis para estimular o desenvolvimento e autonomia das pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA).

“Pedimos a quem queira, não só as mães, ainda que não se enquadrem na situação que estamos enfrentando, compareçam para que a Unimed tenha ciência de que nós não vamos aceitar esse descaso e prejuízo para os nossos filhos”, disse.

A Unimed Fama fica localizada na rua Souza Júnior, 600, no bairro São Francisco em Boa Vista.

Comente

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios *.

Isso vai fechar em 20 segundos