Semana da Mulher: Profissionais da educação contribuem com o ensino de qualidade em Boa Vista

A prefeitura destacou alguns trabalhos de sucesso feito por mulheres que fazem da capital um lugar melhor para viver

Por Prefeitura de Boa Vista | Foto: Giovani Oliveira

Em alusão à Semana da Mulher, a Prefeitura de Boa Vista iniciou uma série especial voltada a homenagear essas guerreiras que contribuem bastante com o município nas mais diversas áreas. A história da vez é sobre as mulheres que atuam com muita força e determinação na rede municipal de ensino.

É o caso da professora Marcela Saramela, 40 anos, mulher mineira que se formou em pedagogia em 2012 e veio para Roraima com sua família em 2014, em busca de oportunidades. Assim que chegou a Boa Vista, passou no concurso público da Prefeitura em 2015, como professora arte-educadora.

E foi por sua criatividade que a professora já ganhou três prêmios Meritrocacia, que reconhece e valoriza o esforço dos professores do município. Marcela, como arte-educadora, foi destaque nos anos 2019, 2020 e 2021. Ela conta que a paixão pelo ensino começou na infância, inspirado nas suas professoras que usavam um jeito novo de ensinar em sala de aula.

Ela conta que já desenvolveu projetos para incentivar as crianças a terem o contato com a arte, leitura, a combater o “bulling” e, durante a pandemia, criou o projeto “Jornal Virtual”, com temas voltados a educação e a comunidade escolar.

Segundo a professora, ela gosta de estar sempre buscando novas formas de ensinar e motivar os alunos e estuda o que pode melhorar a cada ano, dentro de sala de aula de acordo com o que cada turma precisa.

“Nós mulheres não somos só a dona de casa. E por mais que não trabalhe fora, tem que gerenciar várias coisas. E esse espaço nós vamos conquistando com muito esforço, trabalho e dedicação. E o que eu sempre digo e ensino para minha filha é que não podemos parar e devemos estar sempre estudando e se aperfeiçoando”, disse a professora.

Também pensando em se aperfeiçoar, a gestora Marina Madureira, da Escola Municipal Professor Carlos Raimundo Rodrigues, mostra com orgulho os prêmios que a unidade escolar já recebeu, desde 2014, durante a sua gestão.

Com quase 40 anos, conta que já passou em três concursos e para chegar até o cargo de gestora, ela conta que passou por vários desafios. “Não foi uma tarefa fácil. Foi muito estudo e dedicação e hoje onde estou, tive que estudar muito e mostrar resultados para chegar e me manter onde estou. E digo para as mulheres, não se subestimem. Acreditem em si e corra atrás, porque o nosso maior aliado, somos nós mesmas”, destacou Marina.

No ano de 2007, ela entrou na Rede Municipal de Ensino como professora em um processo seletivo e em 2010 passou no concurso público do município no mesmo cargo. Já em 2013, passou em primeiro lugar no segundo concurso público da Prefeitura de Boa Vista e no mesmo ano assumiu o cargo de gestão escolar.

“É muito importante a mulher conquistar esse espaço e também é um grande desafio, além de inspirar outras mulheres a almejarem crescer nas suas carreiras, para que possamos nos fortalecer, seja em qual setor cada uma desempenha seu trabalho”, destacou a gestora.

Comente

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios *.

Isso vai fechar em 20 segundos