Prefeito Arthur Henrique entrega nova sede às quadrilhas juninas de Roraima

O prédio está localizado no Parque Germano Sampaio e será o mais novo ponto cultural e administrativo do movimento quadrilheiro em Boa Vista

A Federação Roraimense de Quadrilheiros Juninos (Ferquaj) ganhou uma sede própria nesta segunda-feira, 16.Oprédio foi cedido pela Prefeitura de Boa Vista e está localizado dentro do Parque Germano Augusto Sampaio, onde funcionava a antiga administração do espaço. Este será o mais novo ponto cultural e administrativo do movimento quadrilheiro em Boa Vista.

A Ferquaj, que até então não tinha uma sede fixa, agora conta com uma estrutura com salas administrativas, anfiteatro, palco e camarim, espaço para ensaios com arquibancada e acesso adaptado para pessoas com deficiência e banheiros. O local foi todo revitalizado, proporcionando mais conforto e qualidade aos ensaios e demais atividades dos grupos juninos.

“São mais de 15 anos que a prefeitura apoia as quadrilhas municipais, realizando as festas anuais, dando apoio financeiro. Estamos entregando algo novo para a federação, agora, ela passa a contar com uma sede própria, uma área ampla onde as quadrilhas terão espaço para realizar ensaios, encontros, eventos culturais e sociais”, disse o prefeito de Boa Vista, Arthur Henrique.

Tradição – Para o presidente da Ferquaj, João da Cruz, a parceria e o apoio da prefeitura tem feito a diferença e mantido os grupos ativos. “Nós agradecemos muito o espaço cedido pela prefeitura. É a primeira vez, em 18 anos, que a nossa entidade tem um local físico para o desenvolvimento das atividades administrativas, assim como para ensaiarmos. É bem amplo, bem localizado e vai contribuir muito para o movimento junino”, declarou.

A Ferquaj é uma entidade sem fins lucrativos, fundada em 02 de abril de 2003, pelos grupos Tradição Macuxi, Namoro Caipira e Fuleta Junina. A Federação conta atualmente com 28 grupos filiados, tanto da capital, como do interior do estado. O movimento junino é mais que um evento, nos bastidores há trabalhos sociais, culturais e econômicos.

Para a presidente da quadrilha Zé Monteirão, Lulia Oliveira, receber uma sede deste nível é como um presente da prefeitura e Fetec. “A federação realmente precisava de um espaço como esse. Já estamos usufruindo de tudo, ensaiando com os grupos. Vamos ter muitas coisas boas para acontecer dentro desse espaço”, disse.

CONVÊNIO – Todos os anos a prefeitura, além de promover o Boa Vista Junina também garante recurso financeiro às quadrilhas. Este ano foram repassados mais de R$ 500 mil aos grupos. O objetivo é prestar apoio financeiro aos quadrilheiros em diversas despesas, valorizar a cultura local, fortalecer a tradição Junina e contribuir com a movimentação da economia criativa. O apoio acontece há 15 anos e tem se fortalecido a cada ano.

Comente

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios *.

Isso vai fechar em 20 segundos