Setor do turismo no Brasil fatura R$ 54,9 bilhões no primeiro trimestre

Segundo a Fecomércio-SP, o crescimento no primeiro trimestre deste ano representa 25,4%, R$ 8,2 bilhões a mais do que o mesmo período do ano passado

Por: MTur | Foto: divulgação


O setor do turismo continua se destacando e crescendo em 2023. É o que releva o levantamento da Conselho de Turismo da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (Fecomércio-SP). Nos primeiros três meses de 2023, o faturamento do turismo registrou R$ 54,9 bilhões, um ganho de R$ 8,2 bilhões no período. O crescimento é de 25,4% comparado ao trimestre do ano passado.

Segundo o levantamento, feito com base nos dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), apenas no mês de março, o faturamento foi de R$ 18,5 bilhões, uma alta de 14,6% na comparação com março de 2022 e o melhor ganho desde 2015. O índice foi puxado principalmente pela grande recuperação do setor de transporte aéreo, que faturou R$ 6 bilhões, um crescimento de 29,8% na comparação com o mesmo período do ano passado. É o mais alto desde 2011 – quando a série histórica foi iniciada.

A ministra do Turismo, Daniela Carneiro, ressalta o trabalho do Ministério do Turismo para desenvolver o turismo no país. “Estamos trabalhando diariamente para que toda a população possa viajar e conhecer as belezas diversas do Brasil, com foco na estruturação dos destinos, na melhoria da conectividade e na qualificação. O Turismo é um forte motor de geração de renda, emprego, além de transformar a vida das pessoas”, destaca a ministra.

O setor aéreo foi o que mais faturou em março deste ano, totalizando mais de R$ 6 bilhões, alta de quase 30% em relação ao mesmo período de 2022. Outros setores também apresentaram crescimento relevante, como foi o caso dos serviços de alojamento e alimentação (R$ 5,1 bilhões) e o de transporte terrestre, com o crescimento de 8,7%, registrando faturamento de R$ 3,1 bilhões. As taxas são resultado da recuperação pós-pandemia, que catalogou um número maior de consumidores buscando por viagens de ônibus.

VIAGENS CORPORATIVAS – O turismo de negócios também vem avançando nos últimos meses. Dados da Associação Brasileira das Agências de Viagens Corporativas (Abracorp) apontam que o setor faturou em abril deste ano mais de R$ 1,067 bilhão. O montante é maior do que o registrado no mesmo mês de 2019, pré-pandemia, e confirma a forte retomada do segmento. Segundo a entidade, a locação de veículos foi um dos principais destaques, com um incremento de 112% no faturamento. O setor hoteleiro também teve ótimo desempenho em abril, com faturamento de R$ 285 milhões, 22% acima do registrado em igual mês de 2019. A Abracorp estima que o faturamento do ano deva ser 20% superior ao de 2019.

Comente

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios *.

Isso vai fechar em 20 segundos